Simpósio Brasileiro de Pesquisa em Cafeicultura Irrigada apresenta as novas ferramentas para melhorias no setor

O simpósio faz parte da programação da Fenicafé, que segue até amanhã(21) de março em Araguari, no Triangulo Mineiro

“O foco principal das palestras neste segundo dia de Fenicafé – Feira Nacional de Irrigação em Cafeicultura - está voltado para a irrigação, apresentando ferramentas da cafeicultura digital, com o ênfase no uso racional da água”, explica o professor Dr. André Luís Teixeira Fernandes, pró-reitor de pesquisas da Uniube e coordenador do simpósio.

O Simpósio Brasileiro de Cafeicultura Irrigada tem por objetivo a discussão e a divulgação de técnicas e pesquisas relacionadas à cafeicultura irrigada. “O evento está recheado de conteúdo pratico relacionado à irrigação”.

O presidente da Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem (ABID), Helvécio Saturnino, também participou da abertura do simpósio, disse que essa é a hora para questionar e sugerir, ao fazer referencia ao conteúdo apresentado pelo encontro. “É hora de trabalharmos juntos. Devemos utilizar as ferramentas de gestão integrada, lembrando sempre da importância sócio econômica da agricultura”, considera.

Já para Antônio Fernando Guerra, da Embrapa/Café, serão dois dias de palestras interessantes, dentro do que precisamos na cafeicultura irrigada.

Guerra aproveitou a solenidade de abertura para falar sobre o projeto “Avança Café”, desenvolvido pela Embrapa/Café em conjunto com a UFV (Viçosa) e Ufla (Lavras). “Na realidade o projeto tem como objetivo a formação de jovens para dentro da cafeicultura nacional, são mais 1mil pessoas entre professores e estudantes envolvidos em pesquisa em café. O objetivo é dinamizar a cafeicultura, tornando-a mais competitiva”, explica.

O simpósio tem o apoio da Associação dos Cafeicultores de Araguari - ACA, da Universidade de Uberaba – UNIUBE, do Consórcio de Pesquisa Café – Embrapa Café, da Associação Brasileira de Engenharia Agrícola – SBEA e da Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem – ABID.

FENICAFÉ - A feira é voltada para a cafeicultura irrigada incluindo o processo de cultivo, plantio, manejo e colheita. É também um local para a divulgação de pesquisas e uma vitrine para as empresas expositoras que produzem produtos voltados para a cafeicultura.

O evento atrai todos os anos um público bem específico – produtores, pesquisadores, engenheiros, técnicos e estudantes que buscam conhecimentos na área de irrigação e cultivo de café. Todos os anos, passam pela Fenicafé um público médio de 20 mil pessoas, durante os três dias de evento.